10 de maio de 2009

Divina sabedoria


Brian Weiss
- Médico psiquiatra americano de 68 anos que publicou seu primeiro livro em 1992, após estudar durante muitos anos todos os pacientes que se apresentaram.

Decidiu-se pela psiquiatria após desacreditar na medicina que não pode salvar seu filho, nascido com problema cardíaco congênito.

Especializou-se em hipnose e regressão para cura dos traumas de seus pacientes, mas surpreendeu-se com Catherine (nome trocado) que em regressão relatou vivências anteriores ao seu nascimento.

O Dr. Brian Weiss mergulhou no estudo de publicações de outros médicos psiquiatras sobre o assunto, e somente depois de 10 anos de estudo e trabalho, escreveu Muitas Vidas, Muitos Mestres.

Eu terminei hoje A Divina Sabedoria dos Mestres, o 7º livro dele, lido por mim.
(Faltaram aí na foto 2 livros...)

Qual gostei mais?

Acho que fico entre 1º Muitas Vidas, Uma Só Alma e Só o Amor é Real.
Mas gostei de todos eles!

Como terminei A Divina Sabedoria dos Mestres, vou postar um trecho (pág. 204) que é uma história que serve como lição para as pessoas de pouca fé, que além de tudo acham que a sua compreensão é a única que conta:

Existe uma história sobre um homem devoto e piedoso cuja vida estava sendo ameaçada por uma enchente. A água subiu rapidamente e ele foi obrigado a se refugiar no telhado de sua casa. Ainda assim a água continuava a subir.
Finalmente, um barco da polícia veio resgatá-lo do telhado.
- Entre no barco - instruíram-no.
- Não - ele respondeu - Vivi toda a minha vida como um homem devoto e caridoso. Deus irá me proteger.
- Não seja tolo - respondeu o policial - Entre no barco. A água ainda está subindo e você corre grande perigo!
O homem continuou recusando-se e o barco foi embora.
A água realmente continuou a subir. O barco de resgate voltou mais duas vezes e o homem recusou-se a embarcar.
- Deus irá me proteger - insistiu, cheio de confiança. O barco partiu para resgatar outras pessoas.
A enchente engoliu a casa e o telhado. O homem se afogou.
No Céu, encontrou Deus. Furioso por Deus não have-lo resgatado, o homem reclamou com veemência.
- Toda a minha vida fui devoto. Obedeci todos os mandamentos. Doei grandes somas para a caridade. E a única vez que peço algo, você me abandona!?
- Mas eu mandei o barco três vezes - Deus explicou - Por que voce não entrou?

Bom domingo e ótima semana!

Um enorme abraço carinhoso!

(P.S.: Está chegando....)

Um comentário:

EA disse...

Olá

eu adoro brian weiss
li alguns livros dele, mas o primeiro "só o amor é real" apaixonou-me mto!
gosto tb de dulce regina, sou mto interessada no assunto de vidas passadas!
gostei do seu blogue!
carpe diem!

Lisoca